10 Países que Continuam Baratos para Serem Viajados

paises-baratosA época de viajar pelo mundo por tostões acabou, certo? Errado. Num excerto retirado do livro 1000 Ultimate Experiences da Lonely Planet, pode ler-se que ainda existem vários destinos experiências surpreendentes sem ultrapassar o seu orçamento. Em baixo estão dez desses destinos:

Índia

Na Índia, o livro sugere que viaje para norte e vá escalar em Ladakh, onde os picos são enormes e o ar é fresco. Se preferir, vá surfar em Port Blair – que está no meio da Baía de Bengala, e ainda é barato como “batatas”.

Nepal

O trekking é impressionante e o baixo custo de estar no país significa que as caminhadas podem não ter fim. Muitos viajantes já têm o Nepal na suas listas de destinos preferidos. A melhor parte é que não custa uma fortuna para adicioná-lo à sua.

Indonésia

Os atentados e conflitos que tiveram lugar nos últimos anos fez com que muitos turistas tenham colocado a Indonésia nas suas listas negras. No entanto as praias imaculadas continuam lá, tal como também o custo de vida barato. Desde que se afaste dos resorts turísticos, vai ter imensas dificuldades em conseguir gastar US$20 (cerca de €15) por dia.

Irão

Com US$25 por dia você pode ficar alojado num hotel de médio porte e comer. O que não vai encontrar é o excesso de outros viajantes e os entraves do turismo em massa.

Polónia

Com um orçamento diário de US$25, será fácil chegar a todo o país. As vilas rurais são pitorescas e baratas para visitar. Apresse-se a visitar este país que está em crescimento económico, antes que os preços subam.

Laos

Por apenas US$15 por dia, terá tudo que precisa, deixando-o livre para sair entre os vales dos rios intocados e micro-aldeias ao longo do rio Mekong. A forma mais barata de lá chegar é através do barco de Chiang Khong, Tailândia. Os custos de viagem de barco andam à volta de US$0,50; o visto, a pagar no Laos, deve andar em torno de US$30. As melhores coisas da vida são realmente grátis – como as cachoeiras de calcário absolutamente deslumbrantes em Tat Sae, Laos.

Sudão

O Sudão está nas notícia pela piores razões, mas o que as pessoas devem saber, é o orgulho dos habitantes locais em acolher viajantes e as coisas incríveis que podem ser vistos em todo o país. No norte pode ver as pirâmides e outras maravilhas do mundo antigo, e as probabilidades de tê-las só para si, são elevadas. Um falafel custa menos de US$1 e uma cama para a noite é inferior a US$10.

Honduras

Se está à procura de um destino de mergulho e tem um orçamento baixo, Honduras é o lugar para visitar. Dormir com orçamentos tão baixos quanto US$10 por noite e refeições disponíveis por menos ainda, você pode realmente esticar os seus fundos. Depois do mergulho e caiaque, faça uma visita ao Parque Arqueológico de Copán. A entrada é US$15.

Marrocos

Tem uma cultura distinta e é um óptimo lugar para esticar o seu dinheiro. Consegue sobreviver muito bem com cerca de US$4o. Quanto mais local você for, mais barato fica. Da Europa é um pequeno salto, assim, muitos têm a possibilidade de conseguir voos baratos. Para viajar entre as principais cidades, vá de comboio, é barato.

Jordânia

A maioria das pessoas só conhece um destino na Jordânia – Petra. Não tem que ser um arqueólogo para desenterrar bons negócios: uma cama para a noite pode custar uns reles US$5 e uma refeição custa a metade.

Este post tem um comentário

  1. eu adorei essas dicas e ate pretendo planejar ir a um desses destinos, mas o porém é, se os preços ainda são esses mesmo , será que não aumentaram??

Deixe uma resposta

Fechar Menu