5 Dicas para umas Férias Low Cost

Este artigo é um guest post de Nuno Ribeiro, fundador e editor do Blog Férias Baratas onde poderá encontrar sugestões e promoções para as suas férias.

Com toda a crise económica instalada em vários países europeus, as férias são sempre dos primeiros luxos a serem eliminados do orçamento, considerados por muitos como um extra que pode muito bem ser prescindido, faz com que muitas famílias poupem muito dinheiro, mas ao mesmo tempo, percam os dias de diversão que esperam durante um ano inteiro de trabalho.

Contudo, nos dias que correm, com todas as possibilidades que o mercado oferece, já é possível fazer férias, sem gastar muito dinheiro. Vamos deixar aqui algumas dicas para conseguir fazer umas férias low cost, não descurando a qualidade das mesmas, evitando gastar muito dinheiro por alguns dias de descanso e divertimento.

Aproveite o nosso país – certamente que não conhece todos os recantos do nosso país, mas já pensou que se existem tantos turistas a viajar até ao nosso país será porque é uma óptima solução de férias? Pois é, pegue no mapa de Portugal e seleccione a melhor zona para o tipo de férias que procura, aproveite a nossa cultura, a nossa história e lembre-se que além de estar a poupar na suas férias, está ainda a contribuir para o comércio português.

Faça contas – saber gerir o seu orçamento da melhor forma é essencial para umas férias baratas. O ideal é que faça contas a todo o tipo de situações: alojamento, alimentação, diversão e até imprevistos. Se tiver um limite máximo para gastar, certamente que vai escolher melhor as suas decisões, evitando assim as escolhas mais repentinas já que tem um orçamento pré-definido para gastar.

Faça férias fora do tempo normal – um dos motivos para as férias serem extremamente caras é a época do ano em que estas se fazem. Geralmente as pessoas querem aproveitar o verão e os meses mais movimentados, mas se pensarem bem e o fizerem fora dessa época, conseguem poupar muito dinheiro já que a época balnear é a mais cara em tudo.

Cuidado com a alimentação – a alimentação é provavelmente o maior gasto nas férias de uma família, principalmente quando toda a alimentação é feita fora. Por isso, é importante que aproveite os pacotes de regime completo ou meia pensão, quando é possível. Nos outros casos, evite restaurantes muito caros e aproveite os pratos do dia que geralmente se tornam muito mais baratos.

Evite hotéis e pensões – para o alojamento as famílias acabam por gastar muito dinheiro, no entanto podem poupar muito se evitarem os hotéis e pensões sempre que possível. Praticamente em todos os locais de turismo há sempre apartamentos ou casas rurais que estão disponíveis para aluguer durante dias, semanas ou meses. Estas casas permitem ainda que evite o recurso a alimentação fora, lavandarias, etc.

Planeie e organize com tempo – obviamente que quem vai de férias procura sempre a diversão e descanso acima de tudo, evitando cumprir horários e fugir a rotina diária que vivem durante todo o resto do ano. No entanto, se organizar e planear as suas semanas de férias, pode vir a poupar muito dinheiro, principalmente na alimentação e transportes.

Deixe uma resposta

Fechar Menu