8 Maneiras Poupar Dinheiro em Paris – Parte 1

poupar-dinheiro-mealheiro1 – Apartamentos

Se vai ficar 1 semana ou mais na cidade luz, considere ficar num apartamento. Existem várias agências especializadas em lugares para turistas, como por exemplo: www.rentalfrance.com e www.parisaddress.com.

Em apartamentos, normalmente existe mais espaço do que num hotel e pode evitar de gastar mais ou menos €13 no pequeno almoço, se o tomar em casa.

2 – Hotéis e Albergues mais baratos em Paris

Se não quiser alugar um apartamento, pode comparar muito rapidamente os preços de centenas de hotéis em Paris e reservar o hotel que desejar com a garantia do melhor preço possível na data que pretende na página Hotéis Baratos ou ver quais as sugestões do VMB para Hotéis baratos em Paris.

Se não se importar de ficar em albergues, pode pesquisar e reservar sem complicações por um no site www.hostelworld.com .

3 – A partir do aeroporto

Um táxi do aeroporto Charles de Gaulle até ao centro de Paris, pode custar-lhe até €50. A linha de comboio RER B, vai do aeroporto até 6 estações de Metro em paris por sensivelmente €8 e existe um eléctrico que liga o terminal à estação RER no aeroporto. Lembre-se, que se levar muitas malas, o metro pode tornar-se num pesadelo.

Pode ainda optar pelo Roissybus, que parte dos terminais 1, 2 e 3. Custa cerca de €8.50 até L’Opera Garnier, a partir de onde, um táxi não deverá custar-lhe mais de €6.50, para a maioria dos sítios no coração de Paris.

A partir do aeroporto Orly, é tudo mais fácil e menos dispendioso, porque é mais perto da cidade do que o De Gaulle. O Orly é mais para voos dentro da União Europeia.

4 – O poder da bicicleta

Todos nós sabemos que o metro é um meio de transporte eficiente e barato, mas desde 2007, Paris tem um programa de aluguer de bicicletas ( Vélib’), que tem como objectivo principal tirar os carros, as filas de trânsito e a poluição fora da cidade.

Através deste programa de aluguer de bicicletas, pode ir buscar uma bicicleta a um sitio e entregá-la noutro. Existem centenas de estações Vélib’, (com mais de 20.000 bicicletas) e cerca de 370 km de pistas para bicicletas.

Pode comprar um cartão para um dia de acesso ás estações (cerca de €1) ou um passe de 7 dias (cerca de €5). Relativamente ao aluguer das bicicletas é grátis na primeira meia hora e €2 na segunda. Após a primeira hora, vai custar-lhe €4 por cada meia hora.

Parte 2

Este post tem 5 comentários

  1. Olá!

    Parabéns pelo site. Tem temas muito interessantes, úteis, e de fácil acesso.

    Tenho andado a preparar uma semana de férias em Paris, de forma a que fique o mais barato possível. Para o alojamento tive a sugestão de um amigo residente em Paris que gostaria de partilhar. Depois de horas e horas de pesquisas “comparadas”, este site revelou ter os alojamentos mais baratos de Paris – http://holidayflat.fr/. É preciso estar atento na leitura das características do alojamento, pois alguns deles têm as instalações sanitárias fora do estúdio/apartamento.

    Já reservei on-line- . Atenção, ao efectuar a reserva é necessário “marcar” os serviços “extra” do alojamento tal como lençóis e toalhas, limpeza no check-in e /ou check out, etc. Estes serviços acrescem ao valor do alojamento inicialmente apresentado. Ainda assim, o valor da modalidade que escolhi, serviços “extra” incluídos não ultrapassa os 300€/6 noites para 2 pessoas.
    Em Outubro volto a dar notícias para contar como foi.

    Saudações

    Cristina Viegas

    1. @Cristina Viegas, Olá Cristina! Será que podia dizer se correr tudo bem ao reservar nesse site? Obrigada

      1. @Ana,

        Cristina, como foi a hospedagem? Vc me tira uma dúvida: eles realmente reservam para apenas 01 pessoa?

  2. Parabéns pelas dicas. Estou começando a me organizar para passar meu aniversário de casamento em Paris, em setembro. Suas dicas são preciosas.

Deixe uma resposta

Fechar Menu