5 Mitos Sobre Viajar Barato

eurosÀs vezes os nossos erros são construídos em falsidades que pensamos ser factos. Conheça 5 mitos e aprenda em como desacreditar os mesmos, pode melhorar a sua compreensão sobre viajar barato.

1. Se eu ficar num albergue, tenho sempre que partilhar um quarto com estranhos

Alguns lugares com a palavras “hostel ou albergue” nos seus nomes, também oferecem quartos privados, a preços normalmente bem mais baratos do que num hotel convencional. Várias pessoas fogem deste tipo de alojamento, porque acham que vão encontrar pouca higiene, drogas ou deboche. Pode evitar os poucos albergues que se enquadram nestas categorias com um pouco de pesquisa.

2. Os bilhetes de comboio são sempre mais baratos do que alugar um carro

Este é um daqueles mitos que podia ser verdade, sem a palavra “sempre”. Muitos viajantes recusam-se a pensar além dos bilhetes de comboio, especialmente na Europa. Embora seja verdade que muitas cidades são criadas para receber os viajantes de comboio (estação central, muitas conexões), em viagens curtas, você pode encontrar preços mais baratos se alugar um carro. Por exemplo: Com uma família de quatro pessoas, eu poupei cerca de €75 numa viagem de um dia entre Berlim e Amesterdão, ao optar por alugar um carro.

3. Viajar nas “Épocas Baixas” é mais barato, mas deixa os viajantes decepcionados

Não se surpreenda com os ventos frios que sopram nos canais de Veneza, em Fevereiro. É certo que poderá encontrar atracções fechadas nas épocas baixas, mas a chave, mais uma vez, é a pesquisa. Descubra se as coisas que você quer ver estão disponíveis fora da época alta. Se assim for, os preços mais baixos podem compensar o tempo menos perfeito que pode lá encontrar.

4. Qualquer pessoa que queira viajar grátis precisa de um cartão de crédito que dê para o efeito

Os cartões de crédito que ofereçam milhas ou pontos para trocar por viagens são apenas para pessoas que consigam pagar o saldo na sua totalidade no final de cada mês. Se tiver a pagar juros de dezenas ou centenas de Euros, Reais, Dólares ou em qualquer outra moeda, então, o seu cartão de crédito que oferece viagens, não é um bom negócio para si.

5. Algumas cidades são demasiado caras e devem ser evitadas

Eu nunca vou estar convencido de que cidades como Londres, Paris ou Nova Iorque sejam muito caras para visitar. Existem muitas coisas que valem a pena ver nestas cidades, em vez de não as ver devido a problemas de dinheiro. Nestas e em muitas outras cidades, o transporte público é amplo, seguro e acessível. Você tem que controlar os custos de alojamento e das refeições.

Conhece mais algum mito sobre viajar barato? Deixe um comentário.

Este post tem 2 comentários

  1. Pedro, seu blog é o máximo! estou indo p/ California dia 16/03 e com pouco tempo entre meu voo internacional e local vou ter que ir só de mala de mão p/ evitar qualquer atraso/aborrecimento…achei otima sua dica de como viajar com 1 malinha só e como customizar tempo e $$ durante as férias! Valeu!!!

Deixe uma resposta

Fechar Menu