Turismo Voluntário: Voluntariado na Floresta

Voluntariado na florestaHoje em dia, a desflorestação e as alterações climáticas são os grandes problemas que as florestas têm em “mãos”. No caso da desflorestação, grande parte deve-se à indústria do papel e de mobiliário, mas os habitantes locais e empresas agrícolas também cortam árvores, simplesmente porque precisam de espaço para a agricultura. É aqui que aparece o turismo voluntário na floresta, o qual pode ter um papel importante na recuperação das florestas.

Entre outras vantagens, plantar uma árvore é um gesto simples que pode restaurar as nossas florestas. Ao se oferecer para plantar árvores, você não só está a contribuir para a conservação das florestas naturais, mas também a reforçar os ecossistemas dos quais a flora, a fauna e as populações locais dependem para sobreviver.

Fazer voluntariado na floresta é relaxante e uma forma inspiradora de passar férias. As tarefas diárias incluem reunir sementes, plantar, escavar e remover ervas daninhas, bem como visitar as comunidades locais.

É claro que estas viagens não solucionam o problema da desflorestação e alterações climáticas, mas podem ajudar a mudar a opinião dos locais sobre o valor daquilo que os rodeia, a descobrir a importância das florestas na atração do turismo e a levar dinheiro para ajudar no saneamento e outras infra-estruturas.

Como ser voluntário?

Existem várias organizações não governamentais, tais como a Global Service Corps, a BTCV ou a Greenpeace que pedemvoluntários para ajudar com projetos florestais em vários pontos do globo.

Também existem agências de viagens especializadas que organizam viagens em todo o mundo, como a Responsible Travel, a Hands Up Holidays e i-to-i, as quais combinam vários tipos de viagens de voluntariado.

Já fez este ou algum outro tipo de turismo voluntário? Deixe um comentário a partilhar a sua experiência.

Fonte | Metro

Deixe uma resposta

Fechar Menu